Eu sou bonito ou feio? Por que meninas adolescentes estão pedindo validação via YouTube

As meninas estão fazendo pedidos estranhos via Internet. Houve uma pessoa que comentou se elas não deveriam estar brincando, ocupando o tempo com bonecas!!!


A adolescência é cheio de angústia, e isso é tudo que sabemos. Normalmente, a incerteza se manifesta no agitado turbilhão interior, mas agora, algumas meninas estão tormando  público suas auto-dúvidas, postam vídeos no YouTube com estranhas perguntas: "Estou bonita ou feia?"

Um clipe chegou a obter mais de 4,5 milhões de pontos de vista, uma garota vestindo um chapéu de coala explica seu dilema: "Eu só queria fazer um vídeo aleatório ver como sou, feia ou não, porque muitas pessoas me chamam de feia e Eu acho que sou feia e gorda, mas todos os meus amigos que são meninas, dizem: Oh você é tão bonita ... e eu digo: Cale a boca porque eu não sou bonita. "

Mais de 114.000 pessoas comentaram. "Não tem nada para se preocupar", escreveu um. Outra pessoa sugeriu que ela colocasse um pouco de maquiagem, um terceiro avaliou sem rodeios: "Para ser honesto, não é bonita, mas não feia" Muitos comentários foram muito mais duros, fazendo uso liberal de palavrões que degradam a menina por postar o vídeo.

Outra garota perguntou a mesma pergunta em dezembro: "As pessoas me dizem isso o tempo todo, então eu não sei, é verdade? Pessoas dizem que eu sou feia. Então me diga, eu sou? ". E em maio de 2010, uma consulta idêntica foi colocada por outra menina, que parecia se divertir com o fato de que ela estava pedindo ao mundo comentários sobre sua aparência. Não vamos discutir aqui o tema: garotas bonitas pedindo a garantia de que elas são bonitas. Na verdade, todas as garotas são adoráveis ​​por qualquer padrão. 

Então, o que está acontecendo aqui? Porque os gritos para chamar a atenção?

Desde quando isso importa o que as outras pessoas pensam sobre como você se vê? É sabido que a nossa cultura  virtual torna agora mais fácil confiar em estranhos, para validação.

Dr. Susan Abbott, um psiquiatra infantil em Nova York, diz que as meninas estão a mercê dos avanços on-line  e de predadores sexuais. "Não é um exagero dizer que muitas dessas meninas tem um problema de auto-estima", diz a Abbott. "Em vez de estarem envolvidas com atividades rotineiras, vida social e até mesmo a lição de casa, elas estão concentrando atenção sobre percepções das pessoas sobre si própria"

Não devemos necessariamente ser surpreendido pelos vídeos diz Emilie Zaslow, professor de mídia de estudos na Pace University, em New York City, disse à Associated Press:

"O público posta perguntas como: Eu sou feio? O que antes podia ser pessoal faz sentido no âmbito desta mudança de cultura", diz ela.

Acrescente a isso as pressões inatingíveis da indústria da beleza, uma dose de reality show, onde as pessoas comuns podem ser famosos, e superstars que são descobertos através de vídeo viral no YouTube, relata Zaslow.

"Esses vídeos poderiam ser vistos como uma nova forma de auto-mutilação em linha como os distúrbios alimentares", dissse Zaslow. A analogia não é tão longe.

De fato, vídeos postados na internet por jovens crianças tende a ter uma inclinação para avaliação social e principalmente por meninas que sofrem pressões sociais em relação a aparência. Apesar de estudante Sophia Roessler não estava realmente buscando opiniões de desconhecidos sobre sua aparência, ela acabou recebendo comentários indesejados de desconhecidos, o que não ajudou. "Claro que a criança se importa com o que as pessoas dizem", disse Jezabel.

Um adolescente pedindo aprovação não é nada novo. Adolescentes procuram frequentemente ser aceito por seus pares e achar outras pessoas como eles. Buscam constantemente perfeição e julgamentos. Postar um vídeo on-line pedindo para comentar sobre o sua aparência, no entanto, dá vazão a uma série de problemas. A crítica constante e os comentários negativos podem ter um impacto muito negativo sobre uma jovem e sua auto-estima.

Imagine o que mais meninas (e mulheres) poderia realizar se não se preocupassem tanto com sua aparência ou aprovação de outras pessoas. As possibilidades seriam infinitas.

By Bonnie Rochman
Fonte: Time Healthland

Comentários

Mais Visitados